segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

" Três palavras, sete letras. E eu sou sua."
G.G.
" Algo que aprendi foi que diante do amor verdadeiro, não se desiste. Mesmo que essa pessoa implore que desista."
-Gossip Girl.

domingo, 27 de fevereiro de 2011

"Eu não escrevo em português. Escrevo eu mesmo."

As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido.
-Fernando Pessoa.

E um dia eu vou ter uma namorado que me ame de verdade, e vou falar pra todo mundo:
- Espera, um dia seu dia vai chegar!
Aí vou ver as gurias ficando forever ALONE e dizendo que isso nunca vai acontecer e meses depois elas vão estar felizes com SEUS namorados.
E um dia eu vou parar de sonhar também.
-Tâmisa.

Se você é parecido com ele:

Ou com ele:
Me liga, deixa reply, deixa uma ask, faz telepatia, se vira, mas me ache.


Você não duvidaria do quanto eu te amo se pudesse escutar o que eu penso sobre você antes de dormir. Vinícius Kretek
Você não duvidaria do quanto eu te amo se pudesse escutar o que eu penso sobre vocêantes de dormir.
Vinícius Kretek
E talvez seja por isso que gostamos tanto dos nossos travesseiros. Porque apesar de tudo que fazemos com ele, de batermos, de molharmos ele com nossas lágrimas, de gritarmos no seu ouvido, de reclamarmos da nossa vida com ele; Ele continua lá, do nosso lado, pra quando a gente precisar dele de novo.
-Tâmisa.

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

E talvez eu possa ser feliz sozinha.
-Tâmisa.
Ultimamente vivo feliz . Quase nada me fez chorar, não ouve um dia da semana em que eu não sorri, não lembrei de você frequentemente, já disseram que sentiam minha falta, as pessoas voltaram a me chamar de louca pelas loucuras que faço e que tinha deixado de fazer, as pessoas não vêem mais aquela menininha triste, que ficava calada e com seu rosto baixo na sala de aula. Eu voltei a sorrir, como quando era criança.
Agora só espero que isso tudo dure por mais tempo do que prevejo.
-Tâmisa.
A cada dia eu me sinto mais feliz, pronta para recomeçar tudo de novo, pronta pra esquecer o passado. Pronta para seguir em frente.
-Tâmisa.
E quando sua felicidade só depende de uma pessoa?
Tâmisa.
Ele: Eu sonhei com você.
Ela: Sério? Ah, então, me conta como foi!
Ele: Eu não lembro …
-
Silêncio

Ela: Então como sabe que sonhou comigo?

Ele: Eu acordei feliz

" Dizem que, não importa qual seja a verdade, as pessoas vêem o que querem ver. Algumas pessoas podem dar uma passo para trás e descobrirem que estava olhando para a mesma cena por todo o tempo.
Algumas pessoas podem ver que suas mentiras quase acabaram com elas.
Algumas pessoas podem ver o que estava na sua frente o tempo todo.
E ainda há aquelas pessoas que correm o máximo que podem para não terem que olhar para si mesmas."
Gossip Girl.

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011


Cansei de pessoas que entram na minha vida só de passagem. Não quero que se vão, quero que fiquem.
- (Denis).

Alguns dias minha vontade é de ficar escondida no meu quarto, abraçada com meu travesseiro. Eu quero fugir do mundo, do passado, presente e, principalmente, do futuro. Me lembro de pessoas que gritam aos quatro ventos que querem esquecer o passado, enquanto eu quero muito voltar para ele. Repetiria os erros, os dias, as brigas - mas também repetiria os sorrisos, as risadas e os sonhos. Quero voltar no tempo em que você fazia parte da minha vida. Quero deixar de viver de lembranças que banham meus olhos de lágrimas, e ver você de novo. Você, mesmo tendo partido há tanto tempo, ainda ocupa espaço no meu coração e na minha vida. Sempre que penso em desistir, lembro de suas palavras dizendo que eu consigo, porque sou especial; também me lembro das bobagens que você dizia, fazendo todos à sua voltam darem gargalhadas, enchendo seus corações da luz que você trazia. O tempo passou e eu cresci, mas não te esqueci. Porque o amor e o carinho que trago dentro do meu peito - essa admiração sem tamanho que sinto por você - são infinitos. Eu sei que, enquanto ainda houver algum vestígio de sentimento dentro de mim, eu te amarei. E aqui estou, escrevendo esse texto sem pé nem cabeça, porque hoje é um daqueles dias em que essa saudade está insuportável, e mesmo depois de tudo isso que escrevi, ainda não consigo conter minhas lágrimas. Agora, acabo com todas essas palavras, dizendo a única coisa que não sai do meu pensamento: Eu sinto a sua falta.
(BoaNoiteCinderela, Gabriela S. Santarosa)
E eu só precisaria que você estivesse aqui comigo. Poderia estar brigando, me chingando, ou nem ao menos me olhando, mas eu preciso de você, aqui! Pra poder te olhar, te tocar, ouvir sua voz, ao menos mais uma vez, porque essa dor que estou sentindo de não poder mais te ver, te tocar, falar com você já está me destruindo.
-Tâmisa.

Você pode machucar alguém, mas não quer dizer que machuca todo mundo. Você pode gostar de uma pessoa depois de um encontro, mas não quer dizer que vá gostar de todos os outros que sair. Você pode falar besteiras na escola, mas não quer dizer que faça aquilo. Você pode mentir para os seus pais, mas não quer dizer que tudo que fale é mentira. Você pode sorrir todas as horas na frente dos outros, mas não quer dizer que seja sempre assim, talvez seja ao contrario, e você quer apenas aproveitar os momentos que você consegue sorrir ao invés de chorar.
Você pode amar alguém, e sim isso quer dizer que você só amara ele, se não for pra sempre, não será amor.
-Tâmisa.
E um dia você vai acordar e pensar que todos aqueles motivos para você chorar desapareceram e agora só restam aqueles motivos para sorrir.
-Tâmisa.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Ele : Se homem é tudo igual porque as mulheres escolhem tanto?
Eu:Porque tentamos encontrar um no meio de tanto que por algum milagre da natureza não seja igual a todos.
-Tâmisa.

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011


"Eu preciso muito, muito de você. Eu quero muito, muito você aqui de vez em quando nem que seja, muito de vez em quando. Você nem precisa trazer maçãs, nem perguntar se estou melhor. Você não precisa trazer nada, só você mesmo. Você nem precisa dizer alguma coisa no telefone. Basta ligar e eu fico ouvindo o seu silêncio. Juro como não peço mais que o seu silêncio do outro lado da linha ou do outro lado da porta ou do outro lado do muro. Mas eu preciso muito, muito de você."
Caio Fernando Abreu.

Alguma coisa em mim - e pode-se chamar isso de "amadurecimento" ou "encaretamento" ou até mesmo "desilusão" ou "emburrecimento"-simplesmente andou, entendeu? Desisti de achar que o príncipe vai achar o sapatinho que perdi nas escadarias. Não sinto mais impulsos amorosos.
Caio Fernando Abreu.

Eu queria

voltar a ser aquela garotinha correndo pelo quintal de casa, eu queria voltar a não me preocupar com nada, queria voltar a tomar meu todynho todos os dias pela manhã feito especialmente pela minha mãe, queria voltar a ser ingênua, ver o bom das pessoas, queria voltar a amar de verdade, a não sentir aquela dor no coração quando alguém o parte. Queria voltar a correr atrás dos meninos, mais não pra namorar, somente para brincar de pega-pega, rir e dar a mão pra ele sem que ninguém diga : -Olha! Eles estão namorando!
Porque quando se é criança, tudo é bom, ninguém te julga, ninguém te machuca, ninguém fofoca sobre você e quando você faz alguma arte eles acham tudo lindo, muito fofo.
E agora eles continuam fazendo tudo isso, ao contrario.
-Tâmisa.

Os homens são tão bobos

que acham que só porque uma mulher os fez sofrer uma vez na vida eles precisam fazer todo o resto das mulheres sofrerem igual. Eles são tão bobos que acham que namorando com a primeira que aparecer pela frente, sem ao menos as conhecer vão acabar encontrando a garota certa. E no fim o que resta pra eles? Muitas mulheres chorando por terem o amado, e ele sozinho, sem encontrar a sua garota "perfeita".
-Tâmisa.

domingo, 20 de fevereiro de 2011

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Hoje estava falando com minhas novas amigas sobre homens e beijos, aí uma perguntou o seguinte:
- Como sabemos se o beijo é bom ou não?
E uma outra que estava do lado respondeu:
- O beijo é bom quando o homem tem pegada, quando ele te segura como se tivesse o mundo nas mãos, mas além de tudo um beijo é bom quando você sente seu mundo rodando, quando o momento está tão maravilhoso que você não quer mais desgrudar a sua boca da do outro, quando você conta dias, horas e segundos para ter de novo aquela pessoa em seus braços e poder beija-la, porque afinal foi isso que você ficou esperando o tempo para poder fazer.
O incrível é que ela não precisou dizer mais nada, nenhum nome, nada, mas sua imagem veio nítida em minha cabeça.
-Tâmisa.
E quando eu acho que encontrei alguém diferente, vão lá e me mostram que todo homem é igual mesmo.
-Tâmisa.
Havia uma menina, que estava brincando no parque, quando viu uma foto, na grama. Desde aquele dia, ela a guardou, e tentou encontrar a pessoa que nela estava. Sem sucesso. Então, ela se casou e, um dia, seu marido perguntou quem era o garoto que estava em sua carteira. A menina respondeu, “meu primeiro amor”. O rapaz sorriu, e disse: “eu perdi essa foto quando tinha nove anos.”

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

A maioria dos garotos que converso me dizem que não são todos iguais, que tem sentimentos, que amam, que sofrem igual a nos, mas é engraçado porque eu não vejo nenhum outro garoto se importando com a gente, se importando com o amor ou sofrendo por alguém.
-Tâmisa.
"Meu peito começou a doer, doer demais, aquilo era como se fosse a ultima vez que eu pudesse senti-lo."
Se eu me apaixonasse por você o que você faria? Se eu dissesse que seus olhares me fascinam? Se eu te falasse que esse seu cabelo alá 'acabei de acordar' me deixa louca? Se eu sentisse ciúmes de você, o que você faria? E se eu acabasse por amar você, você me amaria de volta?
-Tâmisa.
E se eu não te encontrar mais aqui quando voltar?
-Tâmisa.
As vezes eu sinto que quando vocês me encontrarem na rua não irão mais me ver como AQUELA amiga, não irão nem ao menos me dar um abraço e um OI. E vão fingir que eu nunca passei por suas vidas.
-Tâmisa.

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Eu desenho para mostrar ao mundo o que não consigo demonstrar em palavras. Eu escrevo para mostrar ao mesmo o que não consigo demonstrar nos meus desenhos.
-Tâmisa.
Aquele dia,
Aquela noite:
Não sabia o que fazer
Nos dançavamos isolados, dançando lentamente num ritmo de música totalmente ao contrario,
Com medo de pisarmos um no pé do outro.
Nos brigamos o dia todo:
As vezes tinha vontade de pegar seu pescoço e apertar bastante,
As vezes tinha vontade de te abraçar e apertar bastante;
Vivemos nosso momento romântico, idiota, implicante e nosso momento tenso.
No fim eu acabei mesmo não sabendo o que fazer, ma descontrai apenas com aquela zona que fizemos no quarto.
E depois sozinha lá, vendo tudo aquilo, me deu uma dor no coração, me despedir de todos, sair daquele lugar.
Então eu fiz a única coisa que sabia: eu escrevi.
E coloquei aquela carta por baixo de sua porta.
Fui embora;
Mas mesmo tendo passado a noite em claro, não dormi
Quando pegava no sono, dentro daquele avião, eu via todo aquele filme na minha mente
E acordava novamente com aquela dor de cabeça, aquela dor no coração;
Sim, já era saudades batendo.
-Tâmisa.
(Dedicado a : L.M.)

Não. Não. Não vai parar de doer se chorar. Não vai melhorar se achar alguém pra botar a culpa. Não vai amenizar com o tempo. E, finalmente, sim. Sim, o coração continua sentindo, mesmo os olhos não vendo mais.
Vinícius Kretek
Quando eu era pequena eu via as pessoas chorando por nada, via elas brigando por nada, e só ficava olhando de dentro do meu mundinho. Agora eu descobri porque elas choravam e gritavam com aquela facilidade, porque isso agora é a minha realidade, e aquela meu mundinho que eu vivia, apenas passa por mim sem eu nem perceber.~
-Tâmisa.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Tudo muda, tudo permanece, tudo esquece, tudo enlouquece, tudo...tudo. Qual o nome do seu tudo?
-Tâmisa.

E se tudo na sua vida se for, você ainda me terá para poder estar do seu lado, te segurar e seguir em frente.
-Tâmisa.